ad

#EPHonest: Reputation – Taylor Swift

dezembro 14, 2017
4 Shares 466 Views

Vocês estão prontos para isso? Taylor Swift não brinca em serviço a cantora ficou arquitetando sua nova roupagem até o anuncio de que Reputation seria o título do seu novo disco. E ela trabalharia essa questão a desconstrução de sua reputação, aquilo que dizem dela por aí ou por aqui. E foi exatamente o que aconteceu quando ela lançou o primeiro single.

Taylor Swift libera prévia de música inédita “Gorgeous”, ouça!

Look What You Made Me Do” veio com o pé na porta mostrando que Taylor estava assumindo ou para uns esclarecendo de vez suas máscaras, assumindo a fama que a ela foi dada, de cobra. Eis que ela abriu as portas para diversas teorias, que pode ficar para comentarmos em um outro momento.

O momento era Taylor Swift e mais uma vez ela conseguiu. Não tenho experiência para falar sobre a qualidade técnica do disco “Reputation”, mas uma opinião aqui e outra ali sempre temos. A reputação da cantora estava a prova, mas não mudou muita coisa. O estilo definitivamente mudou, mas não superou o seu disco anterior 1989.

Taylor Swift está viva e preparando material novo? Vem ler teoria!

Em Reputation ela diz estar morta, que a velha Taylor não está mais entre nós, mas isso soa um tanto quanto uma mentira deslavada. Ela tentou acrescentar algo em sua carreira que não conseguiu, manteve-se estagnada em meio a sintetizadores e efeitos vocais que não levam a lugar algum. Permanece a sombra do RED (2012) e 1989 (2014).

Por outro lado, Taylor consegue um feito que muitos não conseguem. Em meio as batidas de “… Ready For It?”, que nos lembra um pouco “Wildest Dreams”, do seu antecessor. Ela consegue nos fisgar como ninguém, em pouco tempo você estará cantando as lamúrias pessoais da cantora empregada em cada uma das faixas que entram na mente e ali ficam.

Para finalizar, Taylor Swift diz não amar o drama, o drama ama ela. Mas ela não consegue fugir, de forma mascarada ela trata dos mesmos dramas com faixas mais pesadas e ritmos um tanto que diferenciados dos de costume, mas ainda sim a velha Taylor está entre nós.

Pontos fortes: “Don’t Blame Me”, “Look What You Made Me Do”, “Getway Car”, “Dancing With Our Hands Tied”

Pontos Fracos: “Gorgeous”, “King Of My Heart” POLEMICA! “End Game”

 

You may be interested

Avril Lavigne divulga trecho de “Head Above Water”
5 Compartilhamentos73 Visualizações
5 Compartilhamentos73 Visualizações

Avril Lavigne divulga trecho de “Head Above Water”

Diego Augusto Durante - setembro 15, 2018

Preparem seus corações que Avril Lavigne está voltando. No dia 19 de setembro a cantora já anunciou seu retorno com…

Pabllo Vittar junto com Sofi Tukker é pura Energia!
92 Visualizações
92 Visualizações

Pabllo Vittar junto com Sofi Tukker é pura Energia!

Diego Augusto Durante - setembro 15, 2018

Mais uma semana chegou no fim e os lançamentos chegaram juntos. E entre eles temos a ótima "Energia (parte 2)"…

Rouge lança o hino “Dona de Mim”, só vem!
151 Visualizações
151 Visualizações

Rouge lança o hino “Dona de Mim”, só vem!

Diego Augusto Durante - setembro 1, 2018

As gurias do Rouge estavam guardando o melhor para depois! E nós sentimos o impacto. O super clipe cheio de…